Quando o assunto é reforma da casa há sempre um receio de é necessário dispender de muito dinheiro para que isso aconteça, não é mesmo? A verdade é que nem sempre isso é verdade, e sabendo escolher os materiais corretos, você pode dar outra cara para a sua casa sem precisar esvaziar os bolsos.

A primeira dica, antes de dar o início à reforma, é consultar uma equipe especializada para tirar informações sobre o projeto: o que fazer, como fazer, quais materiais utilizar e etc. Aqui na Montage, nós elaboramos um projeto completo, com toda a projeção financeira, para que a reforma ou construção não fujam muito do que foi proposto inicialmente.

E por falar em economia, nós listamos alguns materiais que que podem ser utilizados na reforma da sua casa sem que você precise gastar muito. Confira!

Policarbonato
Você já ouviu falar do policarbonato? Ele é capaz de substituir o vidro, possui boa resistência é flexível e adequado para vários ambientes e espaços. Ele é mais leve e mais barato que o vidro, o que já é bem vantajoso. Este material fica perfeito, por exemplo, em portas e divisórias de ambiente, já que não bloqueiam a luz e ao mesmo tempo, não são transparentes o suficiente para deixar itens totalmente expostos. Sua casa fica clara e requintada.

Pisos laminados
O piso da casa deve ser durável e, ao mesmo tempo, confortável o suficiente para que você possa caminhar descalço. Para isso, os pisos laminados são ideais por serem mais “quentes”, de fácil instalação e excelentes para revestir quartos e salas. Mas é preciso prestar atenção no tipo a ser escolhido, pois o preço oscila bastante conforme a espessura e o tipo de madeira utilizado para laminar o revestimento.

Azulejos
A moda vem e vai, mas um revestimento está sempre em alta: o azulejo. Pode até ser que mude o formato, a textura ou os desenhos e cores, mas o material resiste ao tempo. Não há outro revestimento tão versátil para limpar quanto o azulejo. Bastante duráveis e de fácil manutenção, é fácil substituir um azulejo antigo e, em caso de reformas, é possível até fixar outros revestimentos por cima sem a necessidade de quebra-quebra.

OSB
Esta ideia é bem sustentável. As placas de OSB (Oriented Strand Board) são feitas a partir de tiras de madeira, que geralmente sobram de processos de corte e tratamento nas fábricas. Além de terem uma boa capacidade de isolamento termoacústico, elas deixam o ambiente mais aconchegante. A instalação é simples e rápida, elas são facilmente encontradas e o preço é baixo.

Piso vinílico
O vinil está se tornando uma estrela no mundo da decoração e sendo utilizado no revestimento não só de pisos, mas de paredes também. Apesar de serem de fácil aplicação, é preciso contratar um profissional para realizar este trabalho. Outro ponto positivo dos pisos vinílicos é que o piso antigo não precisa ser retirado – no entanto, é indispensável que ele esteja em boas condições para receber o novo revestimento por cima, sem rachaduras, fissuras ou desníveis.

Please follow and like us:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *